Ir à praia regularmente é mesmo uma boa. Veja estas explicações!

O Bem Viver

Trago para esta sexta-feira um tema leve, de agrado geral, que tem a ver com saúde, bem-estar, no contexto do que se denomina qualidade de vida.

Estar na praia, olhar a imensidão do mar, a noção de infinito, sentir o cheirinho de maresia, aquela brisa, perceber o som das ondas, pisar na areia, banhar-se no mar… são detalhes que compõem um ambiente de gosto universal, pelo poder de acalmar, energizar, distrair e inspirar as pessoas. Enfim, trata-se de um conjunto que faz bem, seja pelo aspecto do lazer, seja também pelo que propicia de ambiente terapêutico, para o corpo e a alma.

Essas percepções agradáveis a respeito da praia e da beira-mar são generalizadas. Ainda que não houvesse explicação mais abalizada, relacionar praia com bem-estar e qualidade de vida é uma coisa natural, intuitiva e incontestável! 

Mais recentemente, estudiosos nos auxiliam com informações, respaldadas na ciência, mostrando que existem sólidas…

Ver o post original 531 mais palavras

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s